PORQUÊ O SOILCARE?

A produção de culturas agrícolas na Europa enfrenta o desa o de manter a competitividade e ao mesmo tempo, reduzir os impactos ambientais negativos. Atualmente, a produtividade de alguns sistemas de cultivo é mantida apenas com o aumento dos fatores de produção (por exemplo, fertilizantes e pesticidas) e através de melhorias na tecnologia, que mascaram as perdas de produtividade devido à degradação da qualidade do solo. Este aumento do uso de fatores de produção agrícolas pode reduzir a rentabilidade devido aos seus custos, ao mesmo tempo que afetam negativamente o meio ambiente. É necessário melhorar a gestão do solo para quebrar a espiral negativa de degradação, o aumento da utilização de fatores de produção, os custos associados e os danos sobre o meio ambiente.

 

OBJETIVO

O objectivo principal do SoilCare é avaliar o potencial dos sistemas de produção agrícolas e identi car e testar soluções ao nívelo dos sistemas produtivos agrícolas que sejam especí cas para cada área de estudo e possam ter impacto no rendimento e na sustentabilidade a nível Europeu.

 

• Rever que sistemas produtivos agrícolas podem contribuir para melhorar o solo, identi car benefícios e problemas e avaliar os impactos reais e potenciais sobre a qualidade do solo e o ambiente.
• Selecionar e testar sistemas produtivos agrícolas com potencial para melhorar o solo em 16 áreas de estudo através da Europa
• Desenvolver e aplicar uma metodologia integrada para avaliar os benefícios e limitações, o rendimento e a sustentabilidade de sistemas de produção agrícola que melhorem os solos nas áreas de estudo.
• Estudar as barreiras à adoção e analisar como os agricultores podem ser encorajados através de incentivos apropriados a adotar sistemas produtivos agrícolas adequados à melhoria dos solos.
• Desenvolver e aplicar um método para expandir os resultados das áreas de estudo para uma dimensão Europeia.
• Desenvolver uma ferramenta interactiva para a selecção dos sistemas produtivos agricolas capazes de melhorar os solos a nível europeu.
• Analisar os efeitos das políticas agricolas e ambientais na adoção de sistemas de produção agrícola.